O que é a UAB

O Sistema Universidade Aberta do Brasil - UAB - é um programa do Ministério da Educação,criado em 2005, no âmbito do Fórum das Estatais pela Educação e possui como prioridade a capacitação de professores da educação básica. Seu objetivo é de estimular a articulação e integração  de um sistema nacional de educação superior. Esse sistema é formado por instituições públicas de ensino superior, as quais se comprometem a levar ensino superior público de qualidade aos municípios brasileiros.

Tendo como base o aprimoramento da educação a distância, o sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB) visa expandir e interiorizar a oferta de cursos e programas de educação superior. Para isso, o sistema tem como base, fortes parcerias entre as esferas federais, estaduais e municipais do governo. 

Apesar da prioridade do programa ser a capacitação de professores da educação básica com a oferta de cursos de licenciatura e de formação continuada o Sistema Universidade Aberta do Brasil tambem disponibiliza vários outros cursos superiores nas mais diversas áreas do saber.

Objetivos

De acordo com o Decreto 5800/2006, são objetivos do Sistema UAB:

I - oferecer, prioritariamente, cursos de licenciatura e de formação inicial e continuada de professores da educação básica;
II - oferecer cursos superiores para capacitação de dirigentes, gestores e trabalhadores em educação básica dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios;
III - oferecer cursos superiores nas diferentes áreas do conhecimento;
IV - ampliar o acesso à educação superior pública;
V - reduzir as desigualdades de oferta de ensino superior entre as diferentes regiões do País;
VI - estabelecer amplo sistema nacional de educação superior a distância; e
VII - fomentar o desenvolvimento institucional para a modalidade de educação a distância, bem como a pesquisa em metodologias inovadoras de ensino superior apoiadas em tecnologias de informação e comunicação.

Plataforma Freire

Plano Nacional de Formação dos Professores da Educação Básica

O Plano Nacional de Formação dos Professores da Educação Básica é resultado da ação conjunta do Ministério da Educação (MEC), de Instituições Públicas de Educação Superior (IPES) e das Secretarias de Educação dos Estados e Municípios, no âmbito do PDE - Plano de Metas Compromisso Todos pela Educação – que estabeleceu no país um novo regime de colaboração da União com os estados e municípios, respeitando a de autonomia dos entes federados.
 
A partir de 2007, com a adesão ao Plano de Metas Compromisso Todos pela Educação, os estados e municípios elaboraram seus respectivos Planos de Ações Articuladas, onde puderam refletir suas necessidades e aspirações, em termos de ações, demandas, prioridades e metodologias, visando assegurar a formação exigida na LDB para todos os professores que atuam na educação básica.
 
Os Planejamentos Estratégicos foram aprimorados com o Decreto 6.755, de janeiro de 2009, que instituiu a Política Nacional de Formação dos Profissionais do Magistério da Educação Básica, com a finalidade de organizar, em regime de colaboração da União com os estados, Distrito Federal e municípios, a formação inicial e continuada desses profissionais.
 
O Plano Nacional de Formação é destinado aos professores em exercício das escolas públicas estaduais e municipais sem formação adequada à LDB, oferecendo cursos superiores públicos, gratuitos e de qualidade, com a oferta cobrindo os municípios de 21 estados da Federação, por meio de 76 Instituições Públicas de Educação Superior, das quais 48 Federais e 28 Estaduais, com a colaboração de 14 universidades comunitárias.
Por meio deste Plano, o docente sem formação adequada poderá se graduar nos cursos de 1ª Licenciatura, com carga horária de 2.800 horas mais 400 horas de estágio para professores sem graduação, de 2ª Licenciatura, com carga horária de 800 a 1.200 horas para professores que atuam fora da área de formação, e de Formação Pedagógica, para bacharéis sem licenciatura. Todas as licenciaturas das áreas de conhecimento da educação básica serão ministradas no Plano, com cursos gratuitos para professores em exercício das escolas públicas, nas modalidades presencial e a distância.
 
O professor fará sua inscrição nos cursos por meio de um sistema desenvolvido pelo MEC denominado Plataforma Paulo Freire, onde também terá seu currículo cadastrado e atualizado. A partir da pré-inscrição dos professores e da oferta de formação pelas IES públicas, as secretarias estaduais e municipais de educação terão na Plataforma Freire um instrumento de planejamento estratégico capaz de adequar a oferta das IES públicas à demanda dos professores e às necessidades reais das escolas de suas redes. A partir desse planejamento estratégico, as pré-inscrições são submetidas pelas secretarias estaduais e municipais às IES públicas, que procederão à inscrição dos professores nos cursos oferecidos.

Acessar o Sistema

Ambiente de Aprendizagem


A UAB/UFABC utiliza o Ae que é um ambiente colaborativo que gerencia cursos e atividades de aprendizado, dando suporte ao ensino presencial e eletrônico. O sistema reúne ferramentas de software desenvolvidas especialmente para ajudar alunos, professores, instrutores e pesquisadores em suas ações. Usando um navegador web, os usuários podem criar um portal que reúna suas necessidades de aprendizado por meio de um conjunto de ferramentas.

O ambiente Ae pode ser usado em várias situações, como por exemplo:

Um professor pode criar um worksite para realizar provas on-line, disponibilizar material para as aulas de forma que seus alunos acompanhem sua disciplina.

Um gerente de projeto pode criar um worksite para fazer anúncios, compartilhar recursos via web, tais como documentos, links e outros

Um instrutor pode criar um worksite que sirva como local de discussão para que os estudantes colaborem em atribuições do curso.

Um estudante pode criar um worksite da classe para trabalhar exercícios, discutir e executar experimentos on-line.

O ambiente Ae é o resultado dos esforços do projeto Tidia-Ae financiado pela FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo).

Em parceria com o projeto Sakai (www.sakaiproject.org), o sistema utiliza o núcleo básico Sakai para desenvolver sua plataforma e suas ferramentas colaborativas.

Link do ambiente de aprendizagem em uso na UFABC:

http://tidia-ae.ufabc.edu.br

Tutorial de Migração

Foi incluído neste site um tutorial que orienta a cópia de arquivos do repositório de um Tidia para outro (por exemplo, do tidia.ufabc.edu.br para tidia-ae.ufabc.edu.br). Infelizmente, não foi identificado um processo mais automático para essa migração.

Caso encontre dificuldades no uso do tutorial ou mesmo necessite de mais orientações relacionadas ao uso do TIDIA favor entrar em contato com o funcionário Fabio Akira através do e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou pelo telefone 4437-8452 (Catequese - 10º andar).

Tutorial para migração de material no TIDIA

Funcionamento da UAB/UFABC

O Sistema UAB funciona como articulador entre as instituições de ensino superior e os governos estaduais e municipais, com vistas a atender às demandas locais por educação superior. Essa articulação estabelece qual instituição de ensino deve ser responsável por ministrar determinado curso em certo município ou certa microrregião por meio dos polos de apoio presencial.

A imagem abaixo ilustra como se dá esse funcionamento:

Equipe UAB/UFABC

O Sistema pretende estimular dentro das IES, um alto nível de atividades, disciplinas e cursos virtuais com o uso das novas tecnologias, transformando as aulas tradicionais em momentos de construção do conhecimento de real interesse e participação dos alunos, tutores e professores.

Para tanto, a CAPES disponibiliza recursos para que este grupo se consolide de forma a perpetuar o atendimento da comunidade da IES com sua expertise. Tais recursos são atualmente proporcionais ao número de cursos, alunos e pólos atendidos a distância pela UAB desta IES. Uma equipe da UAB deve conter: designers instrucionais, revisores de atividades e conteúdos, diagramadores, editores de vídeo, produtores de vídeo, equipe de professores e tutores para capacitação institucional, secretárias, TAEs, desenhistas, suportes de rede e desenvolvedores de software, técnicos financeiros, etc.

Atualmente a equipe da UAB/UFABC é a seguinte:


Coordenação Geral:
Prof. Dra. Lucia Franco

Coordenador Adjunto:
Prof. Dra. Juliana Cristina Braga


Assistente Administrativo:
Thaís Braga

Webdesigner e Suporte de Rede:

Em contratação

Analista de TI e Suporte Tidia:
Fabio Akira
Gustavo Uruguay


Editor e Produtor de vídeo:
Em contratação


Estagiários:

Programador:
Em contratação

Técnicos Financeiros:



Equipe do PACC 2012:
Prof. Dra. Silvia Dotta - Coordenadora
Prof. Erica Jorge - Professor Pesquisador
Prof. Rafael Diego de Serrão Moralez - Professor Pesquisador Conteudista
Prof. Taís Vargas Freire Martins Lucio - Professor Pesquisador
Prof. Dr. Francisco Isidro Maceto - Professor Pesquisador Conteudista
Prof. Juliana Cristina Braga - Professor Pesquisador Conteudista


Equipe de tutores para capacitação institucional:

Adriana Keiko Nishida Costa
Alexandre Soares Cavalcante
Camila Areias
Camila Nastari
Edilson José Rodrigues
Elisabete Péres Queiroz de Paiva
Helber Marcondes da Silva
Lays Batista Fitaroni
Lilian Santos Leite Menezes
Mabel Uehara
Marcelino Felix
Marcos Roberto
Paulo Henrique Lopes Aguiar
Regina Carteano Bandeira
Rita Aparecida Ponchio
Roberta Kelly A Gomes
Ronaldo Tedesco Silveira
Suzy Sampaio


Designers instrucionais:
em contratação

Revisores de atividades e conteúdos:
em contratação

Diagramadores:
em contratação

Secretárias:
em contratação


Desenhistas:
em contratação

Missão, Visão e Valores

  Missão 
 

Construir um modelo de educação que, por meio do desenvolvimento da autonomia e da interação de seus atores, estimule a exploração de novas possibilidades de aprendizagem, de pesquisa e de inovação científica.


  Visão 
 
Ser a melhor equipe de educação na produção de valor para a comunidade da EaD brasileira, reconhecida nacional e internacionalmente, com o uso de práticas inovadoras.

 

 

  Valores 

Inovação e criatividade aliadas à ética para a construção e socialização do conhecimento.

Compromisso com a integridade, competência, proatividade, agilidade, espírito de equipe, responsabilidade, qualidade, disciplina e organização.

Respeito às diferenças.

Gestão em equipe.

Desenvolvimento da consciência crítica e colaborativa

Senso de solidariedade e de justiça, inclusive nas relações de trabalho

Mais artigos...

  1. Equipamentos e Softwares
 
  

Copyright © 2013 UAB | Universidade Aberta do Brasil | Universidade Federal do ABC | Todos os direitos reservados.